top of page

JESUS NOSSO AMIGO E AS INFLUÊNCIAS ESPIRITUAIS


Amigo é alguém precioso que passa em nossas vidas como uma brisa suave e, até mesmo, quando examinamos a vida de pessoas que se destacaram no mundo, encontraremos o mesmo gesto companheiro de mãos amigas e suaves a lhes doar o mais doce e puro sentimento, a amizade.

Ao lembrar a história do Apóstolo dos Gentios, Paulo de Tarso, nos deparamos com a figura de Gamaliel, seu mestre e bondoso amigo, que o acolheu logo após a visão gloriosa ocorrida em Damasco, aconselhando-o a retirar-se para meditação e amadurecimento espiritual.

Na mesma época também vivia Ananias, um cristão convicto que era alvo das perseguições de Paulo; até que lhe devolve a visão e lhe dá os primeiros fragmentos evangélicos para que os copie e os estude, e, por fim, transformem a sua vida. Também podemos citar Lucas, o evangelista, outro amigo que se torna esteio moral e físico nos anos finais da vida de Paulo de Tarso.

Assim não há como negar que um amigo é uma parcela do amor de Deus que se expressa na forma humana sobre a face da terra e, acima de tudo, não podemos nos esquecer de um amigo incomparável que se chama Jesus de Nazaré.

O Cristo é certamente um amigo à parte, de forma que nenhum outro pode Lhe ser semelhante, já que, se os amigos terrenos lançam raízes nos corações, acima de todos eles, o Cristo semeia o amor no coração da humanidade e, assim, impera de forma inquestionável e eterna. Há vários relatos em que Jesus mencionava a palavra “amigo”, dando-nos a real ideia de que Ele era um amigo especial. Cito dois exempl